RESUMÃO: MasterChef Amadores Ep.03


0
20 shares

E, finalmente, agora com os 21 cozinheiros amadores escolhidos, a “corrida MasterChef” começou realmente na noite de ontem. E, já de cara, teve a temida caixa surpresa, mas com novidade: a caixa tradicional veio acompanhada da “irmã boa”, uma caixa transparente que permita os participantes verem os itens que há nela.

A caixa “boa” tinha o básico de uma cesta básica então a maioria dos participantes resolveu arriscar e optar pela caixa surpresa, que tinha chocolate, magret de pato, vinho tinto, chuchu, caju, romã e outros ingredientes que são caros demais para vir na cesta básica.

Destas cestas, saiu polpotone de porco do Dalvio que ficou entre os melhores.

Teve, também, o magret de pato com chuchu empanado da Angélica que devia estar substituindo alguma coisa mais gostosa.

Chuchu empanado = churrasco de melancia

Mas os chefs gostaram e a Bela Gil também iria curtir. Tudo para salvar uma picanha né?

Mas, como nem tudo são flores, tiveram também pratos bem ruins e bem criticados, como foi o de Crisleine.

cena-de-crime-masterchef2018
O CSI já ligou para a Band e se prontificou a ajudar.

E de Vinicius que, segundo a chef Paola, foi um castigo para o paladar e incomível, segundo o Chef Fogaça.

paola-masterchef2018
Vinicius, não chore, algumas pessoas da redação também tem este dom.

Mas chega de tragédia, vamos ao lado bom da prova. O prato campeão da noite foi o Magret de pato com molho de caju e chuchu com nozes da Eliane, que garantiu a ela o mezanino com direito a levar a cinco participantes junto.

E a master, sabendo que é um jogo, jogou; já fez a camarada e levou suas primeiras alianças para o mezanino. Dálvio que tinha feito um dos melhores pratos se sentiu injustiçado por não ter sido escolhido para subir, uma vez que o seu prato configurou entre os melhores. Assim Elaine fez seu primeiro inimigo no programa.

magret- masterchef-2018
Deu uma aguinha na boca…

Depois de uma caixa misteriosa, nada como uma prova eliminatória. E ela exigiu dos participantes a execução de um clássico das cozinhas, a omelete, mas como é MasterChef não podia ser tão básico assim. Era omelete francesa, cremosa, gourmetizada e feita em frigideiras antiaderentes da Polishop.

E, para ajudar os másters, teve até workshop do chef Erick Jacquin com direito a história de superação de omeletes.omelete-jacquin-masterchef2018

E, como a dúzia do ovo está muito cara, cada participante tinha direito a apenas seis ovos, então, não havia margem para erros.

Entendemos você, Band, está difícil para gente também.

Brissa, Maria Antonia, Hugo, Carlos, Ana Luiza, Vinicius, Crisleine, Victor Hugo fizeram as melhores omeletes e ganham o mezanino.

Dálvio, Tereza, Padre Evandro, Rita, Rui Clarisse, Kauê fizeram as piores omeletes e foram para a prova seguinte. Que era, adivinha? Fazer omelete de novo, então não tinha acabado os ovos, só a criatividade da produção do programa mesmo.

E com uma segunda omelete ruim, Dálvio abandonou o programa.

Parece que Eliane tem o santo forte mesmo. No mesmo capitulo que ela ganha um inimigo, o mesmo é eliminado.

#sortuda

Os conflitos já começaram, os participantes já estão mostrando quem são e a que veio. Então, quem está merecendo a torcida de vocês?

Advertisements

Like it? Share with your friends!

0
20 shares

What's Your Reaction?

fun fun
0
fun
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win
fail fail
0
fail
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
wtf wtf
0
wtf
cute cute
0
cute
damn damn
0
damn
scary scary
0
scary
vomit vomit
0
vomit
love-2 love-2
0
love-2